Banca de QUALIFICAÇÃO: JARLEANE GALVÃO AMARAL

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JARLEANE GALVÃO AMARAL
DATA : 25/09/2020
HORA: 14:30
LOCAL: Universidade Federal do Oeste do Pará - UFOPA (Campus Rondon)
TÍTULO:

PRÁTICA DOCENTE EM EDUCAÇÃO FÍSICA NAS ESCOLAS DA COMUNIDADE RURAL DA REGIÃO AMAZÔNICA: QUAL O LUGAR DO CORPO?


PALAVRAS-CHAVES:

Corpo. Corporeidade. Prática docente. Educação Física Escolar. Professores.


PÁGINAS: 94
RESUMO:

A corporeidade é condição existencial do ser humano e nos leva a discutir sobre a relevância de sua abordagem na prática docente. A pesquisa tem como objetivo compreender por meio do discurso de professores de Educação Física Escolar da região amazônica a presença da abordagem do corpo/corporeidade na prática docente. As discussões de Nóbrega (2010); Morin (2011), Gonçalves (1994), Santin (1987), Couto (2008; 2017; 2020), Franco (2005; 2016), entre outros, deram suporte teórico, acerca da corporeidade, educação, educação física e prática docente. Esta pesquisa tem a pretensão de fazer uma amostra intencional com a participação de 15 professores graduados em Educação Física que atuam nas escolas da zona rural de Santarém-Pa. A metodologia adotada envolve a revisão bibliográfica da produção científica sobre a temática corpo/corporeidade no banco da Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações (BDTD) e pesquisa de campo utilizando questões geradoras para coleta de dados. As questões geradoras tem a finalidade de impedir respostas monossilábicas e solicita do participante da pesquisa as percepções que possui com relação ao fenômeno investigado. Para a análise, utilizar-se-á a Técnica de Elaboração e Análise de Unidades de Significados, elaborada por Moreira, Simões e Porto (2005). A corporeidade como premissa na prática docente ainda não é usual, pois ainda há práticas mecanizadas e castradoras que conotam ao corpo o sentido instrumental e utilitarista numa visão dicotômica de valorização da mente. Por outro lado, advoga-se para que a abordagem da corporeidade seja estimulada na prática docente compreendendo o corpo em sua integridade, como presença viva no mundo e indissociável deste.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1983523 - HERGOS RITOR FROES DE COUTO
Interna - 1030394 - TANIA SUELY AZEVEDO BRASILEIRO
Interno - 2383992 - GILSON CRUZ JUNIOR
Externa ao Programa - 872.588.037-34 - EDNA FERREIRA COELHO GALVÃO - UEPA
Notícia cadastrada em: 22/09/2020 08:45
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação - (00) 0000-0000 | Copyright © 2006-2020 - UFRN - srvapp1.ufopa.edu.br.srv1inst2