Apresentação
O Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Federal do Oeste do Pará (PPGE/UFOPA) foi criado em 2012, sob a coordenação do Prof. Dr. Anselmo Alencar Colares. A junção de esforços dos doutores em educação e de áreas afins possibilitou naquele mesmo ano a submissão de proposta de criação do curso, porém, sua aprovação pela CAPES ocorreu em 2013, para a oferta de 25 vagas anuais. A primeira seleção ocorreu em novembro de 2013 e as atividades letivas iniciadas em março de 2014. O Mestrado tem como área de concentração a EDUCAÇÃO e duas linhas de pesquisa, interdependentes: 1) História, Política e Gestão Educacional na Amazônia; e 2) Práticas Educativas, Linguagens e Tecnologias. Este curso ganha relevância se considerarmos que são poucos os Programas de pós-graduação stricto sensu em Educação na Amazônia: dois doutorados e cinco mestrados acadêmicos, ofertados nas capitais dos estados do Pará (Belém), Amazonas (Manaus), Rondônia (Porto Velho) e Tocantins (Palmas). As assimetrias e disparidades na pós-graduação brasileira não ocorrem apenas entre as grandes regiões, mas também no interior destas. O Norte conta com 190 Programas, correspondendo a apenas 5,27% do total (que é de 3.601), embora sua população seja de 15.865.678 habitantes, o que corresponde a 22,98% dos habitantes do país (Dados do Censo do IBGE, 2010). O nosso mestrado fica localizado em Santarém, cidade onde está a Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA), primeira universidade pública com sede no interior da Amazônia, que fica distante 710 km de Belém, a capital do Estado do Pará (1h05 de avião jato, 3 dias de embarcação fluvial e 5 dias de estrada, quando se torna possível o tráfego durante o verão!) e, a distância para Manaus é similar, sendo ainda mais difícil o acesso terrestre. Estes são os dois locais mais próximos para os quais os egressos dos cursos de licenciatura e áreas afins se dirigem no afã de prosseguirem seus estudos. A qualificação, além de promover melhorias salariais, gera o desenvolvimento profissional necessário para fazer frente ao quadro desfavorável em que as escolas se encontram no que diz respeito ao IDEB. Sabemos que um novo Programa de Pós Graduação não garante, isoladamente, a reversão deste quadro, mas junto com outras políticas públicas e com o empenho de profissionais comprometidos com a Educação socialmente referenciada, pode contribuir decisivamente para o enfrentamento de vários problemas para os quais hoje nos vemos impotentes e, de certa forma, isolados. A criação da UFOPA, e, nesta, o Programa de Pós Graduação Stricto Sensu em Educação, simbolizam esperanças de que, mesmo com as dificuldades de romper o colonialismo no campo político e econômico, podemos gradativamente romper com o isolamento acadêmico e construir oportunidades para que os melhores egressos das licenciaturas – geralmente pessoas sem poder aquisitivo para se deslocar a outros centros mais distantes – realizem seus sonhos de qualificação e, desta forma, contribuam para que a Educação no Oeste do Pará alcance níveis similares a média nacional.

Endereço Alternativo


Coordenação do Programa

  • - LUIZ PERCIVAL LEME BRITTO

    Telefone/Ramal: Nenhum conteúdo disponível até o momento

    Telefone/Ramal 2: Nenhum conteúdo disponível até o momento

    E-mail: Nenhum conteúdo disponível até o momento

  • - MARIA LILIA IMBIRIBA SOUSA COLARES

    Telefone/Ramal: Nenhum conteúdo disponível até o momento

    Telefone/Ramal 2: Nenhum conteúdo disponível até o momento

    E-mail: Nenhum conteúdo disponível até o momento

SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação - (00) 0000-0000 | Copyright © 2006-2020 - UFRN - srvapp2.ufopa.edu.br.srv2inst1