Banca de DEFESA: ELOISA AMORIM DE BARROS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ELOISA AMORIM DE BARROS
DATA : 09/08/2019
HORA: 09:00
LOCAL: sala 319
TÍTULO:

BENZEDEIRAS, BENZEDORES QUILOMBOLAS: A RESISTÊNCIA AO MODELO COLONIZADOR DE SAÚDE E O FORTALECIMENTO DE UMA COMUNIDADE AFRODESCENDENTE DE ÓBIDOS-PARÁ


PALAVRAS-CHAVES:

Benzeção. Garrafada. Cultura. Identidade.


PÁGINAS: 67
RESUMO:

O presente texto tem por finalidade apresentar os resultados da pesquisa que sobre hábitos culturais e saúde coletiva no Baixo Amazonas, em comunidades de remanescentes de quilombos. Com a finalidade de responder à questão científica, a saber, como a figura da benzedeira e do benzedor atua na resistência ao modelo colonizador de saúde, Interferindo na maneira como uma comunidade remanescente de quilombos do Baixo Amazonas lida com a saúde coletiva, influenciando na qualidade da vida das pessoas e fortalecendo os hábitos culturais saudáveis?, foram desenvolvidos os seguintes objetivos, investigar a figura da benzedeira, do benzedor e de produtores de garrafadas em um contexto de possível resistência ao modelo colonizador de saúde na região do Baixo Amazonas. Além disso, especificamente, busca-se identificar e analisar possíveis elementos caracterizadores das práticas populares de saúde, considerando possíveis adequações das matrizes africanas à lógica da floresta amazônica; Investigar o trabalho das benzedeiras e dos benzedores nos dias atuais nas comunidades quilombolas Silêncio e São José, em Óbidos- Pará e; Perquirir sobre o processo de produção e formas de recomendação de garrafadas para cada enfermidade, por meio de pesquisa qualitativa com entrevistas semi-estruturadas, para apresentar um olhar de reconhecimento da prática de saúde feita por comunitários especializados em benzeção.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - AUGUSTO RODRIGUES DA SILVA JUNIOR
Presidente - 1794508 - ITAMAR RODRIGUES PAULINO
Interno - 1562643 - MAXWELL BARBOSA DE SANTANA
Notícia cadastrada em: 02/08/2019 16:39
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação - (00) 0000-0000 | Copyright © 2006-2020 - UFRN - srvapp2.ufopa.edu.br.srv2inst1