Banca de QUALIFICAÇÃO: RAILON DE SOUSA MARINHO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RAILON DE SOUSA MARINHO
DATA : 17/12/2019
HORA: 09:00
LOCAL: Sala 332, Ufopa - Unidade Amazônia
TÍTULO:

CONDIÇÕES DE VIDA, TRABALHO E SAÚDE: UM ESTUDO SOBRE CATADORES DE MATERIAIS RECICLÁVEIS NO ATERRO DO PEREMA, SANTARÉM, PARÁ, BRASIL


PALAVRAS-CHAVES:

Trabalhadores; condição; hábitos; higiene; parasitoses intestinais.


PÁGINAS: 74
RESUMO:

Uma das maiores causas de impactos ambientais no Brasil é a destinação inadequada de resíduos sólidos em aterros controlados e lixões (vazadouros a céu aberto). Por um lado, o aumento na geração de resíduos se constitui e agrega uma série de problemas, por outro lado, torna-se uma fonte alternativa de renda devido à falta de opção de trabalho, permitindo a sobrevivência para muitas pessoas, que vivem da catação de resíduos sólidos recicláveis. Os catadores de materiais recicláveis desempenham um importante papel para o meio ambiente e sociedade, bem como para a economia, mas são expostos a riscos de contaminação por elementos tóxicos e organismos patogênicos que podem estar presentes nestes materiais e que podem causar efeitos negativos à saúde humana e ao meio ambiente. Assim, tendo em vista o grande número de catadores existentes no aterro de Santarém e a oportunidade de aprofundar os estudos sobre estes trabalhadores, este trabalho tem objetivo geral analisar as condições de vida, trabalho e saúde de catadores de materiais recicláveis no aterro do Perema; além de verificar a ocorrência de enteroparasitoses intestinais nos participantes da pesquisa. O estudo se caracteriza como uma pesquisa de campo de caráter exploratório e qualitativo, mediante observação com visitas in loco. Para verificar as condições de vida, trabalho e saúde dos catadores de materiais recicláveis, serão realizadas entrevistas semiestruturadas com 40 voluntários (20 catadores e 20 não catadores), para tal será utilizado um roteiro de questões previamente formuladas com perguntas abertas e fechadas. Adicionalmente, serão realizadas 120 amostras de fezes (três amostras por participante), realizadas em dias não consecutivos para a realização de Exame Parasitológico de Fezes (EPF). A coleta das amostras para exame tem como objetivo identificar a presença de parasitos intestinais na população estudada. Espera-se que as condições de trabalho dos catadores de materiais recicláveis causem efeito negativo à saúde desses trabalhadores, bem como que, exista uma relação entre as condições de trabalho e hábitos de vida com a ocorrência de parasitoses intestinais nesse grupo de indivíduos. Acredita-se que este estudo possa contribuir com a compreensão dos desafios da inclusão social e melhoria do bem-estar humano e ambiental, além de esclarecer as condições de trabalho e saúde dessa população, alcançando a qualidade de vida, através de intervenções.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2143267 - JOSE MAX BARBOSA DE OLIVEIRA JUNIOR
Interno - 1562643 - MAXWELL BARBOSA DE SANTANA
Externa ao Programa - 2142577 - AMANDA ESTEFANIA DE MELO FERREIRA
Externa à Instituição - CONCEIÇÃO DE MARIA ALMEIDA VIEIRA - UFRA
Notícia cadastrada em: 04/12/2019 16:21
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação - (00) 0000-0000 | Copyright © 2006-2020 - UFRN - srvapp2.ufopa.edu.br.srv2inst1